terça-feira, 19 de agosto de 2008

Medo de perder

Todos nós temos bens valiosos. Algo que queremos bem mais do que qualquer outra coisa, algo que não imaginamos viver sem. Pode ser um objeto, um animal, uma pessoa. O presente que a vó deu antes de morrer, o animalzinho de estimação que não senta no colo de ninguém, a não ser no seu, a pessoa que você ama. São o tipo de coisa que imaginamos que iremos enlouquecer se algum dia não estiver mais conosco. Temos medo de perder. É natural, afinal, "quando a gente gosta, é claro que a gente cuida". Mas devemos saber medir nosso medo. Seja qual for a situação, viver temendo só atrapalha. Não que não devamos nos preocupar com nossos bens, mas devemos tomar cuidado deles ao invés de apenas temer perde-los. Os meios que buscam eliminar um acontecimento podem ser, afinal, os seus causadores. Tome muito cuidado ao tomar cuidado. Você pode colocar um vaso dentro de 7 baús fechado com 7 chaves para ninguém pega-lo, mas como saber se ele nao vai quebrar lá dentro? Meu cachorro fica mais feliz se ficar solto no quintal, mas e se ele fugir? São o tipo de questão que assolam a mente do preocupado. Mas a chave é apenas viver. Acreditar no que é pra ser. Se ao abrir a gaiola seu passarinho sai voando, então era errado deixa-lo preso. E será muito melhor te-lo quando ele voltar para a sua janela por que ele quer, nao por que está preso lá. Pode ser difícil cuidar das coisas assim, mas é de qualquer jeito. Viver se preocupando é pior, pois assim voce está esperando a hora de fazer algo errado e talvez perder seu bem. Apenas cuide dele. Use o colar da sua vó e olhe pra ele todo dia pra lembrar dela com carinho. Dê a tenção que seu animalzinho precisa, sempre dando água e comida, a ração preferida dele, de preferência. Sempre abrace a pessoa que você ama e nunca deixe de fazer o que voce quiser por ela. Não pense "mas e se ela não gostar disso?". Ela vai gostar por que veio de você. São os pequenos gestos que contam. Mostre que se importa.
E se um vaso quebra ou racha, muitas vezes tem concerto. Se o cachorro foge, geralmente ele volta. E se você magoa quem você ama, peça desculpas, mas principalmente olhe para si e descubra o que mudar. Desculpas não curam feridas... arrependimento sincero e uma bela mudança, possivelmente ajudam.

Pinguim.

4 comentários:

Anónimo disse...

ótimo!

Não Somos Apenas Rostinhos Bonitos disse...

Olá querido,
Fizemos um post sobre crianças roqueiras que é a cara deste Blog...ficou bem legal...

\o/ :p Elisangela \o/ ;) disse...

Olá...
Nossa, simplesmente adorei o texto. Muito bom mesmo. Beijinhusss. =)

Anónimo disse...

what bands are good to see for emo hairstyles?
[url=http://www.emo-hairstyles.info/]emo hair[/url]